ÉTICA PROFISSIONAL  - OAB - TRIBUNAL DE ÉTICA  

Patrocínio - Conflito de interesses - Opção por um dos clientes - O Advogado não pode patrocinar interesses conflitantes de seus clientes. Ainda que os objetos das demandas sejam distintos um do outro, deve o Advogado optar por um dos mandatos, conforme se depreende do art. 18 do CED. A simultaneidade de instrumentos de procuração poder-se-á traduzir em conflitos de interesses. Deve o Advogado recusar o segundo patrocínio para não macular a confiança que o primeiro mandante nele deposita. O cliente há que ver no seu Advogado o paradigma da honestidade, lealdade e capacidade profissional. (Processo nº E-3.478/2007 - v.u., em 18/7/2007, parecer e ementa do Rel. Dr. Armando Luiz Rovai).

 
Fonte: Site da OAB/SP, www.oabsp.org.br, em "Tribunal de Ética", "Ementário" - 501ª Sessão de 18/7/2007"